sexta-feira, 6 de junho de 2014

Espero que isto não esteja tudo interligado

18h30. Estou no taxi a caminho da Dora. O taxista ouve a Rádio Renascença, está a dar missa. Em silêncio, sinto-o a orar. Interrompe a ladainha em sussurro e abre o porta-luvas. Saca de uma caixa de comprimidos e emborca uns 4 ou 5. Sem água. 
O trânsito está caótico. Um Clio quer mudar de faixa e empanca as três vias. "Palhaço de merda!"- resmunga entre dentes. O taxímetro não pára (isto dispara com o tempo ou com os quilómetros andados, caramba?). Continua a rezar. Um outro taxista ultrapassa-o à cão: "Fogareiro do caralho!". 
Vou para a Dora, estou atrasada meia hora, e tenho medo que hoje ela me coloque a mim e aos pêlos numa câmara de gás. 
Pelo sim, pelo não, faço coro com o senhor nas avé-marias. E no praguejar contra o trânsito também.
Nossa Senhora do pelume me proteja!

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...