domingo, 8 de junho de 2014

Páteo dos petiscos bye bye!

Ontem fugimos da confusão da Baía e fomos comemorar a efeméride com esta miúda e o nosso chef preferido para o Páteo dos Petiscos. Adoramos este sítio, aliás, adorávamos!
Reservámos mesa, pedimos as nossas iguarias preferidas para petiscar, bebemos duas garrafas de vinho rosé, comemos sobremesas, bebemos cafés e achávamos que éramos uns clientes fixes até nos virem convidar a sair da mesa...
Sim, poque apesar de termos consumido muito e bem, de não termos sido poupados na hora de mandar vir comida e bebida, só éramos bem-vindos até uma determinada hora. Depois era tempo de largueza, andor, que havia mais gente à espera de mesa. Não foi assim mas foi quase. Ouvimos um "desculpem lá, mas têm que vagar a mesa" ainda as chávenas da bica estavam quentes...
Eu gosto de comer e beber, se puder não saio da minha terra para o fazer, contribuindo para a economia local, e até era cliente habitual e recomendava amiúde o Páteo dos Petiscos a toda a gente. A partir de agora não voltarei. 
Porque para se manter clientela não basta comida boa, bebida fresca e um espaço catita com um lettering moderno: é preciso tratar com respeito, tempo e consideração os clientes. 
Fica a ideia do chef que estava sentado à mesa connosco se lançar no seu próprio negócio de petiscos. Estou certa que seria um concorrente (muito mais que) à altura. 

6 comentários:

Pedro disse...

Foi do género do que me aconteceu no The Decadente. Com a agravante que a comida em si é uma bela bosta, aí pelos vistos sempre era boa.

(olha, disse bosta!)

disse...

Que mau!
Mas na tua zona [que em tempos já foi minha também - dito assim soa um pouco estranho :)] tens +otimos restaurantes...olha só quem perde.

POC disse...

Sextas e sábados existem dois turnos, 20/22 e 22 para a frente. Já é habitual nalguns sítios, alguns conhecidos (já ouvi falar num restaurante de um chef vip).

Se o cliente estiver avisado, menos mal. Não foi o vosso caso, o que é de lamentar. Mas o local é porreiro, vou muitas vezes e costumo ser bem tratado.

MS disse...

opah e eu que morava mesmo aí atrás :')

deixa lá que para estares entre Bernardos e Lourenços, mais vale a Taska n'Areia (onde era aquele do "Cordodilo" e da "Avestres" escrito em conchinhas na Areia)

Luna disse...

A próxima é na pérola desconhecida de que te falei, prometo que não nos mandam embora e que vão adorar - e pagar menos.

Analog Girl disse...

Sim, eles fazem turnos nas refeições. É muito foleiro. Mas há outros do género a aparecer e se eles não estiverem atentos começam a ver a clientela a desaparecer...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...