sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Joaquim- o cortês

A Mónica, sempre discreta, sempe low profile, conversou comigo no chat. 
A Mónica é, provavelmente, a melhor pessoa (daquelas mesmo do bem, boa educação, boa gente, bons valores, bom carácter, índole) da blogosfera. O assunto era a Mariana, sua conterrânea (e de mámen). 
A Mónica não tem rodeios, nem salamaleiques, nem minhoquices, nem pruridos.Na verdade, só queria que eu lhe levasse uma encomenda para a Mariana: um mimo. Porque a Mariana para além de cadeirante, é uma jovem de 20 anos. 
 Tive um dia (uma semana) dos Diabos e desencontrei-me com ela. Mas a Mónica arranja sempre jeito, daquele jeito discreto, low profile e cool que a caracteriza. 
 Logo, mandou o Joaquim, o marido mais charmoso da blogosfera- ali taco-a-taco com o meu- vir ter comigo ao aeroporto.
 E o Joaquim- o cortês- veio. 
E trouxe a encomenda e um postal da mulher. E um sorriso franco e genuíno, como só têm as boas pessoas, aquelas que topamos a léguas, sensação de pele, sabem?
 E eu pensei que a Mónica é uma miúda top mas a vida corresponde-lhe com a mesma generosidade. Porque este Joaquim da Mónica é a prova viva de que o mundo se encarrega de retribuir às boas pessoas. Que o mundo é justo, afinal.

1 comentário:

Ines disse...

:) cada um tem o que merece. Fico feliz que o universo vos tenha correspondido.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...