sábado, 6 de dezembro de 2014

Ninguém inventa o pinheirinho portátil?

A Ana acha que a árvore de Natal tem que ser onde uma Ana quiser. A estratégia é simples: derruba-a, tenta desmaranhar-se do meio da árvore caída, agarra-a pelo cocuruto e arrasta-a para as diferentes divisões por onde anda a circular. Ela adora-a e quer levá-la para todo o lado.

Isto podia ser divertido se fosse só com a nossa árvore. 

Mas é com todas. 

1 comentário:

Timtim Tim disse...

Tens de lhe comprar uma pequenina. Ah, adorei o projecto!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...