quinta-feira, 4 de junho de 2015

Futebol e hamburguers

Imaginem que eu trabalho no McDonald's. Que na entrevista de selecção não engano niguém e digo que até prefiro Burger King mas que estou disposta a, com o meu trabalho, ajudar o McDonald's a chegar mais longe. A ter mais sucesso. A fazer mais clientes deles felizes. Muito felizes.
Imaginem que sou muito feliz a trabalhar lá durante alguns anos. Que o meu trabalho tem reconhecimento, que a empresa tem recebido prémios e louvores devido à minha gestão da equipa e ao meu trabalho.
Agora imaginem que, ao ver o meu percurso de sucesso na empresa concorrente, o Burger King me convida a trabalhar lá. Que me oferece um salário mais aliciante, na expectativa que eu alavanque os seus resultados.
 
Quantos de nós ficaríamos na empresa do palhaço com ar perverso, han?
Eu não.
 

#deixemoJesusempaz

10 comentários:

maria madeira disse...

Agora imagine que no Burger King já existia uma pessoa a desempenhar as funções para as quais foi convidada. E até sabia. Sabia também que essa pessoa tem um contrato. Que essa pessoa é uma pessoa honesta e até trabalha bem. Pergunto eu agora. Aceitaria passar por cima dessa pessoa? Aceitaria atropelar outra pessoa por causa de dinheiro? Aceitaria arrasar publicamente outra pessoa? Ou isso não interessa para nada. Não sei... só gostava de saber onde pára a ética por estes dias. Ou isso já não se usa? E honestidade rima com alavancar?

Termino de forma semelhante.

Eu não.

Pólo Norte disse...

Maria Madeira,

O contrato do antecessor é entre duas partes: o antecessor e a empresa. Eu não teria nada que ver com essa relação contratual entre duas partes, onde eu não fui perdido nem achado, onde eu não desempenho qualquer papel ou sou qualquer uma das partes.
Poderia pensar "epá, nas costas dos outros, vejo as minhas e tal e corro o risco de me fazerem o mesmo a mim" mas teria livre arbítrio para decidir o que era melhor para mim. Acho que é disso que se trata. Alguém foi para uma empresa que lhe ofereceu melhores condições contratuais. E os trabalhos servem, em última análise, para nos providenciarem o nosso ganha-pão.

Eu sim.

Nossa Senhora da Procrastinação disse...

O problema é que o Benfica não é o MacDonalds, é o H3 e por isso não se compreende a mudança! :P

Agora a sério, o problema (e sabes tu bem melhor do que eu...) é que a carga emocional relativa ao Benfica vs Sporting é bem maior do que entre hambúrgueres.
Mas tudo passa!

maria madeira disse...

Gostaria bastante de concordar consigo, só que não. Neste caso não se trata de ganha-pão. Trata-se de ganância. De desonestidade. De atropelo. Seis milhões de euros por ano é ganância, não é ganha-pão algum.

Com certeza que o contrato é entre duas partes. A diferença talvez se encontre na parte de JJ ter conhecimento e não ter exigido transparência. O treinador acabou por revelar-se neste pequeno pormenor. Acho que poderia ter sido inteligente. Não foi. O que é pena. Podia perfeitamente ter saído de outra forma. De cabeça erguida. Tenho para mim que não se avizinha um futuro fácil para Jorge Jesus. A ver vamos...

Paula disse...

haja alguém com bom senso. concordo inteiramente ursa. eu mudava.

Sofia Ferreira disse...

Para a mim a grande falta de ética, honestidade e valores semelhantes está na parte do Sporting em geral e do seu presidente em particular. Justa causa: não usou o fato oficial no dia X! Estão a gozar?? Espero que qlq tribunal dê razão ao Marco Silva, e ains receba por danos morais!!

Secretária Encantada disse...

Finalmente, alguém me entendeu... bolas (cliché) tava a ver que não...!!!

Fátima disse...

Maria Madeira,

O JJ não teve ética? Então o que dizer da postura e atitude do Sporting em relação ao Marco Silva?
Não sou Benfiquista nem Sportinguista mas há coisas que me dão cá uma volta à tripa...

Eu mudava!

Filipa Catarino disse...

OBVIAMENTE que mudava! Deixem-se lá de falsos moralismos e
pseudo-amores à camisola. O q interessa ao JJ e a todos nós é
o nosso ganha pão. O resto...são pinners pá!!!

IM (misspipetaseviagens) disse...

Ele que faça uma boa viagem, que até é curta. Não me esqueço do que ele deu ao Benfica como ele não se deve esquecer do que o Benfica lhe deu a ele. Mas pode ser que daqui a uns tempos perceba que trocou a Microsoft pela loja de informática lá do bairro. Ahahahah
(Espero que o Marco Silva tenha um futuro risonho, parece competente e íntegro, não merecia o que lhe fizeram. Mas também acho que o JJ não tem nada com isso, apenas o SCP)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...