sexta-feira, 25 de setembro de 2015

Querida TAP, querida SATA, a culpa é vossa que me habituaram mal

Estou a recuperar do choque de assistir ao pessoal de bordo da Ryanair tentar impingir raspadinhas aos passageiros.

Glup!

7 comentários:

ccstylebook disse...

Eu também passei pelo mesmo! É surreal! E com os nervos que me costumam dar quando ando de avião ia entrando em colapso! Já a Easyjet faz um peditório em nome da Unicef. God, já não se viaja com o glamour de antigamente! Beijo

CoriscaRuim disse...

Tens sorte que não levaste com os cigarros eletrónicos exclusivos da Ryanair. Na minha primeira viagem, fiquei tão chocada que estava à espera que os assistentes de bordo começassem a vender as mães em lotes de 2!
Já desta vez, só mesmo as aterragens é que me mataram de susto (os irlandeses são loucos do miolo! E, para eu escrever isto, é porque tem muito que se lhe diga!).

36 anos de SATA dá nisto!

K disse...

Desculpa?!?

LopesCa Blog disse...

raspadinhas? Lol

Menina Ana disse...

Não há nada como o Alfa...
Ainda assim, Porto-Lisboa em 40 minutos leva-me a suportar as raspadinhas com mais frequência do que gostaria!

ME disse...

WHATTTTTTTTTTTT????????????

doida disse...

A primeira vez que voei na Ryanair, saí de Madrid às 6,30 da matina depois duma viagem de 3 h de carro! Dormir!?!? Népias. As meninas da companhia foram toooooda a viagem a impingir tudo e mais alguma coisa: cigarrillos, raspadinhas, relojes.... parecia que estava no Bolhão a ouvir as vendedeiras. Infelizmente os preços e as rotas levam vantagem :(

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...