terça-feira, 12 de janeiro de 2016

E a cabra da Electra que nunca mais vai embora

Ana agarra na sua boneca e dirige-se ao pai:  "Vamos brincar: queres ser o pai da minha Carolina?"

O pai concorda e eu sugiro-lhe de imediato: "Boa, e eu sou a mãe!"

Responde-me muito ofendida:"Hey, a mãe sou eu! Tu és a avó, percebes?!"

2 comentários:

Joana Sousa disse...

Oh pá essa miúda é do caraças :D deixa lá, eu quando era miúda queria casar com o meu irmão. São cenas!

Jiji

Maria João Coutinho disse...

Pois, cá em casa é igual, eu sou sempre a avó dos filhos dela!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...