segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

Nas últimas semanas

Tive a melhor notícia do ano: vou ser tia. Vi o projecto do J. começar as aulas de literacia finalmente ver a luz do dia. Deliciei-me com baklavas. Tive uma apoquentação com a miúda de tal forma que andei semanas inteiras sem dormir (já passou!). Fiz um skype espectacular para o Luxemburgo. Fui indigitada para organizar um babyshower em Abril e nem sei por onde começar. Conheci pessoas genuinamente generosas graças à São João. Fui de intruja a uma festa de anos íntima e só para a família de uma família que não é a minha (e adorei!). Assoei mais vezes um nariz alheio que o meu a vida inteira. Comi o melhor cheese cake light do Mundo. Senti orgulho do meu amigo Paulo Barros Cardoso que acabou de lançar uma revista digital muito, muito boa. Perdi 3 horas da minha vida na alfândega de Lisboa para resgatar umas Melissa e parecia que estava a participar num sketch de humor. Fui resgatada pelo meu amor para um almoço solarengo num dia não especial no melhor terraço de Cascais. Conheci um restaurante espectacular na linha. Ajudei a Ana a completar a sua primeira colecção de cromos (Elsa, já não não te aguento!). Costumizei um fato de Carnaval. Fui à Serra da Estrela ver neve mas não havia neve. Não consegui almoçar no Folgosinho (e fiquei cheia de pena). Apanhei laranjas na quinta de Tondela. Aqueci-me numa lareira maravilhosa. Recebi uma massagem fabulosa. Voltei a ser feliz no Grande Hotel das Caldas da Felgueira. Vi-me no meio de um inesperado baile de Carnaval. Cantei os parabéns ao meu marido no meio de simpáticos estranhos. Cantei os parabéns ao meu marido em família. Cantei os parabéns à minha mãe. Vi-me rodeada de cerca de 100 pessoas todas mobilizadas para ajudar um casal que muito estimo. E comovi-me (comovo-me sempre!). Emocionei-me com um sorriso de ballet e covinhas. Tive um jantar de Dia de São Valentim deliciosamente fajuto e a três. Não consegui vir ao blog. Mas queria muito falar de cada um destes acontecimentos. 

Por onde começo mesmo?

2 comentários:

Paula disse...

Pólo, estiveste na minha terra, em Tondela??? Oh pá, não posso crer...!!!!
As melhores laranjas são as do laranjal do meu tio J., tu queres ver que foi lá?
:)

Rafinha disse...

Cravaram-te para organizares uma despedida de solteira.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...